Sidebar

28
Sáb, Mar

O Sistema de Segurança da Câmara de Vereadores de Campos identificou um indivíduo portando arma de fogo de maneira ostensiva no plenário na sessão desta terça-feira (16). Trata-se de um policial militar, que estava à paisana. O fato será comunicado ao Comando do 8º Batalhão de Polícia Militar (BPM) para que o Comandante tome as devidas providências de acordo com as normas disciplinares da corporação, inclusive com reforço de imagens que não deixam dúvidas em relação à identidade do cidadão. A documentação será entregue nesta quarta-feira ao 8º BPM.

Nesta sexta-feira (18), a Câmara de Vereadores de Campos foi representada por seu presidente, Edson Batista, e ainda pelos vereadores Mauro Silva e Rafael Diniz, na cerimônia de posse do reitor eleito da Uenf (Universidade Estadual do Norte Fluminense) para o período de 2016-2020, Luís César Passoni, bem como da vice-reitora eleita, Teresa Peixoto Faria. Eles irão substituir o reitor Silvério de Paiva Freitas e o vice-reitor Édson Corrêa (no cargo desde julho de 2011) a partir de 1º de janeiro de 2016.

A Câmara Municipal de Campos dos Goytacazes acaba de editar em forma de CD o acervo das edições do jornal 25 de Março, do abolicionista Luiz Carlos de Lacerda, numa cerimônia simples, nesta quinta-feira (23), no gabinete do presidente do Legislativo, que contou com as presenças da presidente da Fundação Cultural Jornalista Osvaldo Lima, Patrícia Cordeiro, e do presidente da Academia Campista de Letras, Hélio de Freitas Coelho, além do professor e intelectual Vilmar Rangel.

´”E o presente de Natal da Câmara à sociedade campista, aos pesquisadores, historiadores e cultores de nossa memória, ao oferecer as edições deste jornal do século 19, completamente digitalizado, que estará à disposição da comunidade, através da Biblioteca Virtual no site da própria Câmara”, disse Edson Batista.

O presidente da Câmara lembrou que “o jornal durou cinco anos, como um estandarte nas lutas abolicionistas, depois foi empastelado pelos senhores escravagistas”.

Edson Batista também frisou que a digitalização do acervo só foi possível graças a uma parceria da Câmara com essas instituições e um termo de cooperação com a Fundação Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro, onde o mesmo material se encontra disponível.

*Por: Ascom Câmara

A primeira Cantata de Natal, realizada na noite desta terça-feira (15), nas escadarias do Palácio Nilo Peçanha, sede da Câmara Municipal de Campos, reuniu um bom público, que se encantou com uma das mais tradicionais formas de se celebrar a data magna da cristandade.